Crie hierarquias e planos

A Escola de Fotografia Áurea Fotográfica sempre instiga seus alunos a pensar a composição de suas fotos de maneira mais sofisticada. Trabalhar com planos na fotografia faz com que a imagem bidimensional ganhe uma sensação de profundidade. Além disso, a foto ganha uma maior elaboração na interação entre os diferentes planos, o que torna o assunto muito mais rico e contextualizado.

Toda história tem personagens principais e secundários. Faça o mesmo em suas fotos, crie uma hierarquia de leitura. Construa composições com diferentes planos: coisas que aparecem mais à frente e outras mais ao fundo; planos focados e desfocados; objetos iluminados e outros na penumbra. A intenção é fazer com que a foto ganhe profundidade e o observador passe mais tempo apreciando a imagem e relacionando os elementos uns com os outros. Além do personagem (ou objeto) principal,  inclua outros secundários que vão  contextualizando a cena tornando a história da foto mais elaborada. Procure ângulos para valorizar a profundidade da foto. Mas tome cuidado com a disposição desses novos elementos, eles devem complementar o assunto princial e não competir com ele. Assim, tome cuidado para que os elementos não se sobreponham de modo a dificultar a visualização um do outro. Veja os exemplos a seguir.

Foto de Sergi Bernal

Quem você vê primeiro? E depois? E num terceiro momento? Esta imagem é rica por seus múltiplos planos. A personagem principal dessa foto obviamente é a menina que pula corda. Mas num segundo momento vemos seu pai que está mais ao fundo batendo a corda. Em terceiro lugar vemos mais crianças fazendo uma fila para também pular corda. E se nos atentamos mais ainda vemos que há pessoas ao fundo passeando pela praça. Perceba quantos elementos existem nessa foto que compõem o ambiente alegre e descontraído de um dia de lazer. O mais importante é que todos esses elementos se complementam sem competirem por atenção. Eles estão dispostos na imagem de maneira clara de modo a guiar o olhar do observador sem conturbá-lo. Além de tudo isso, essa foto chama a atenção pelo ponto de vista do fotógrafo, é como se ele estivesse inserido na brincadeira, a visão de baixo para cima faz o salto da menina parecer mais emocionante, mais alto.

Foto de Marcos Arruda

Fotografias macro são sempre interessantes, pois nos permitem ver detalhes que a olho nu passam desapercebidos e sempre ficamos facinados com a beleza das coisas diminutas. Essa imagem em questão tem uma doçura que abre o sorriso de qualquer observador. A foto apresenta uma hierarquia de planos: um focado e outro não. Temos a contraposição de dois extremos, um plano rico em detalhes e nitidez e outro em situação oposta. O intrigante dessa foto é que ela nos traz um interessante jogo de quem é o personagem principal, a formiga ou o garoto?

xadrez

Na foto acima vemos outro exemplo de planos focados e desfocados. Contudo, diferente da imagem anterior, nesta, as peças de xadrez que em primeiro plano estão desfocadas. As que estão mais ao fundo, num terceiro plano, também. Um artifício simples e que deixa a imagem muito mais interessante!

paisagem

Veja este exemplo que bonito. Temos na paisagem múltiplos planos. Atente para o cuidado do fotógrafo não deixar os mourões das cercas se sobreporem para não confundirem o observador. Perceba também a gradação de desfoque e contraste que o fotógrafo fez para protagonizar a cerca em primeiro plano, onde está o pássaro.

silhueta

Clássico exemplo de contraluz. Da moça em primeiro plano vemos somente a silhueta. Já a noção de profundidade é conferida pela gradação de cinzas que evidencia os diferentes planos das paredes.

Em suma, como já foi dito em outro tópico, fazer uma foto é contar uma história. Conte a sua com desdobramentos além do objeto principal; relacione seu personagem com outros secundários; atente para o que está no fundo; brinque com o desfoque e a luz para mostrar e esconder o que lhe convém.

Gostou dessa dica? Com certeza, se você criar imagens com múltiplos planos, suas fotos vão ficar muito mais interessantes e vão parecer mais profissionais. O que apresentamos aqui é só uma amostra dos conceitos abordados nos cursos de fotografia da Áurea Fotográfica. As questões da linguagem fotográfica são abordadas desde o curso básico de fotografia e vão se tornando mais elaboradas no curso intermediário e avançado que a escola oferece. Se você quiser aprender muito mais, ter suas fotos analisadas pelos professores para que possa receber dicas específicas para o seu aprimoramento, venha estudar conosco. Acesse nosso site para mais informações: www.aureafotografia.com.br

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s