Arquivo de contra luz

Como iluminar garrafas e copos

Posted in Iluminação, Uncategorized with tags , , , , , , , , , , , , on 04/07/2012 by fotografiafacil

A iluminação de garrafas e copos pode parecer complicada para principiantes, porém, torna-se bastante simples ao utilizarmos o princípio básico da iluminação de objetos de vidro: uma contra luz para iluminar os objetos por trás e ressaltar sua transparência.

A seguir apresento uma série de vídeos selecionados na internet que mostram diferentes maneiras de se fotografar vidro. Cada vídeo traz uma técnica ou dica diferente. No conjunto eles dão uma boa noção de como deve ser montada a iluminação para a fotografia de garrafas, copos e taças.

O primeiro vídeo mostra a técnica da luz rebatida, ou seja, você ilumina o fundo e, como o vidro é transparente, podemos ver o fundo iluminado atrás. Essa é a técnica mais simples e pode ser feita com uma única fonte de luz. O vídeo traz um exemplo para fundo branco e fundo preto. Em ambos os casos, observe como o uso de placas de papel branco ou preto são usadas como rebatedores ou bloqueadores de luz para ressaltar o contorno da taça. Para o fundo preto, o segredo é deixar duas frestas de luz nas laterais da taça.

O segundo vídeo mostra como fotografar um copo de cerveja com fundo escuro. Este continua sendo um exemplo de luz rebatida, porém montada de outra maneira. Neste caso foi utilizado um grande softbox sobre o copo para iluminar a espuma. Depois, para mostrar a transparência da cerveja, foi colocado um pedaço de papel branco ligeiramente inclinado trás do copo. Dessa maneira, o papel refletiu a luz que vinha por cima.

O líquido borrifado no copo para dar a sençaão de transpiração é uma mistura de 50% de água e 50% de glicerina líquida. Ao borrifar essa mistura sobre o copo, tome cuidado de proteger a parte com espuma, pois, teoricamente, essa parte do copo não estaria gelada o suficiente para condensar a água por fora.

O próximo vídeo mostra como fotografar uma garrafa de refrigerante utilizando uma luz direta atrás da garrafa. Neste caso é utilizado um softbox (na verdade um striplight, por ser fino e comprido) que além de mostrar a transparência do vidro também deixa um fundo completamente branco (esse fundo branco uniforme também pode ser conseguido com a luz rebatida já comentada anteriormente). Observe que atrás da contraluz tem um painel preto que vai fazer o contorno preto na garrafa. Conforme você aproxima ou distancia a contraluz da garrafa, você aumenta ou diminui esse contorno. O detalhe para a fotografia dessa garrafa é que é necessário utilizar outras fontes de luz para iluminar o rótulo e fazer aqueles reflexos retangulares brancos que dão volume à garrafa. O líquido usado para fazer as gotículas é a mesma mistura de glicerina e água do vídeo anterior.

O vídeo seguinte utiliza uma televisão como contraluz. É um jeito simples de se conseguir o mesmo efeito obtido com um softbox profissional. O interessante do vídeo é mostrar como a luz se inverte ao atravessar os copos com água. É importante ter isso em mente principalemte na hora de posicionar placas prancas ou pretas atrás dos copos ou garrafas para acentuar seus contornos. O vídeo está em árabe, mas as imagens bastam para entendê-lo.

O próximo vídeo mostra como fotografar uma garrafa mergulhada no gelo. O vídeo também é em árabe e o cara fala muito, portanto não perca tempo assistindo o vídeo inteiro. Veja só o trecho no minuto 1:25 para entender como ele fez a caixa de gelo com um material translúcido. Depois já pule para o minuto 2:15 para entender como a iluminação foi montada. Aqui é outro exemplo de contraluz direta obtida com um softbox embaixo de uma mesa de vidro.

O próximo vídeo mostra uma maneira diferente de fotografar uma garrafa de modo que ela fique bastante brilhante. Para isso o fotógrafo faz um molde vazado no formato da garrafa no painel do fundo da cena e depois ilumina por trás desse molde. Sinceramente, é mais fácil conseguir esse efeito no Photoshop fundindo duas fotos do que fazer essa estrutura toda. Mas o vídeo não deixa de ser interessante e nos apresenta uma mandeira a mais de se conseguir bons resultados com poucos recursos.

O vídeo a seguir mostra como fotografar uma garrafa de vinho. Como as garrafas de vinho tinto não são transparentes, não adianta usar a técnica da contraluz. Nese caso é melhor iluminar a garrafa de lado, mas sempre com uma luz muito difusa. Para isso pode-se usar softboxes, difusores na frente de lâmpadas ou placas de isopor para rebater a luz. No caso do vídeo, o fotógrafo usa uma luz vindo de cima para iluminar a tampa da garrafa e com placas de isopor ele rebate a luz para iluminar os lados. Observe como ele coloca um papel preto na frente do isospor à direita para que apareça só uma fresta dele e o reflexo na taça fique bem fininho. Por fim, o fotógrafo ilumina o fundo de baixo para cima para criar um bonito degradê. Detalhes no fundo sempre enriquecem a foto.

Os dois vídeos a seguir mostram variações de como fotografar bebidas. Tendo aprendido a iluminação básica podemos brincar com diferentes situações. No primeiro vídeo o cara fotografa um copo com aspirina. Atente para o grande softbox à esquerda que cria um reflexo retangular no copo. Para conseguir um reflexo semelhante do lado direito o fotógrafo posiciona uma placa branca à direita ligeiramente mais atrás do copo. Esses reflexos conferem volume ao copo.

No vídeo a seguir é mostrado como fotografar um copo de champanhe com um efeito de faísca. Observe que um grande difusor é colocado à direira da taça para criar um reflexo no vidro. A bebida frizante é iluminada pela vela faiscante posicionada atrás da taça.

Por fim, tendo aprendido os modelos básicos de iluminação de garrafas e copos, é hora de aprender alguns truques. O primeiro vídeo mostra como criar o efeito de uma garrafa gelada. O vídeo é bastante detalhado. Na minha opinião, com uma produção mais simples já se consegue um bom resultado. Portanto, minhas dicas são: para deixar a garrafa translúcida, parecendo gelada, utilize um spray de verniz fosco. Tome cuidado de proteger a borda do copo como o autor do vídeo faz, já que no local da espuma o copo não fica gelado. Depois espirre água com glicerina para fazer o efeito de transpiração. Só com isso já se consegue um bom resultado.

O próximo vídeo ensina três truques diferentes. O primeiro é para deixar o reflexo da garrafa mais translúcido. O procedimento é bastante simples,  basta usar um spray de laquê ou verniz fosco. O segundo truque é para deixar um cortorno branco na garrafa usando uma fita adesiva branca. O último truque consiste em pintar de branco as bordas da taça para que elas se destaquem do fundo preto. Todas as dicas são bem bacanas, por isso vale a pena assistir o vídeo.

Por fim, o último vídeo dá uma dica de como deixar as bolhinhas do refrigerente mais aparentes. Para isso basta arranhar o copo por dentro. Confira:

Seguir

Obtenha todo post novo entregue na sua caixa de entrada.

Junte-se a 55 outros seguidores